Destaques

<< >>

Grande iniciativa da INTER-REFORMADOS Évora

No passado dia 8 de Maio INTER-REFORMADOS/União de Sindicatos do Distritos de Évora realizou uma iniciativa convívio/debate, que contou com mais de cinquenta reformados. Os participantes visitaram no Seixal o Eco-museu, o Núcleo Naval e o Moinho de Maré de Corroios, espaços memória de actividades

Grandioso 1 Maio no Distrito de Évora

A Direcção da USDE/CGTP-IN saúda todos os dirigentes, delegados e activistas sindicais, que de forma determina se desdobraram em diversas acções de esclarecimento e mobilização dos trabalhadores e da população para a participação nas grandiosas iniciativas do 1 Maio que realizamos no Distrito. Saudamos igualmente,

Alteração da morada funcionamento da União Sindicatos do Distrito de Évora/CGTP-IN

A USDE/CGTP-IN informa todos os associados dos sindicatos que compõem a Casa Sindical de Évora, bem como os trabalhadores que trabalham no distrito de Évora, que a partir do próximo dia 1 Março 2019, vamos funcionar provisoriamente, nas instalações do Sindicato dos Professores da Zona

Todos à manifestação do 1º de maio às 15h30 Évora!

No distrito de Évora o STAl tem uma significativa participação, quer na mobilização, quer na organização nas iniciativas de comemoração do 1º de Maio que se realizam em Vendas Novas, Montemor-o-Novo, Arraiolos e Évora. Ler mais

Cresce a Mobilização na Gestamp para o 1 Maio

Plenário GESTAMP 11/11/16Um abaixo-assinado foi subscrito por 170 trabalhadores da Gestamp Vendas Novas na exigência que lhes sejam aplicadas as Categorias Profissionais da Contratação Colectiva subscrita pela Federação de Sindicatos FIEQUIMETAL, bem como que lhes sejam Actualizados os Salários como forma de progressão na carreira, cresce a mobilização na Gestamp para participar no 1º de Maio da CGTP-IN em Vendas Novas e na manifestação distrital às 15H junto ao Teatro Garcia Resende me Évora. Ler mais

Pingo Doce: Greve 1 Maio

jc01_0_1Os trabalhadores do Pingo Doce / Jerónimo Martins estarão em greve no dia 1º de Maio, Dia do Trabalhador, para reivindicar a revisão do Contrato Colectivo de Trabalho.

Os trabalhadores do Distrito de Évora participarão na manifestação da USDE/CGTP-IN em Évora às 15H30 junto ao Teatro Garcia Resende. Ler mais

Também no distrito Évora Greve 1 Maio

1º Maio – dia de luta de todos os trabalhadores do comércio, escritórios e serviços com greve e participação na manifestação da USDE/CGTP-IN em Évora às 15H30 junto ao Teatro Garcia Resende. Ler mais

Milhares na manifestação contra a proposta de revisão do código laboral

IMG_20190411_212309Também do distrito de Évora foram muitos trabalhadores que se juntaram aos milhares de trabalhadores de todo o país que participaram, esta quinta-feira, na Concentração Nacional em frente Assembleia da República em Lisboa, promovida pela CGTP-IN contra a proposta de revisão do Código do Trabalho que o governo do PS viu aprovada, na generalidade, com o apoio do PSD, do CDS e do PAN, na sequência do acordo celebrado entre governo, patrões e UGT na concertação social. Ler mais

Grupo Luz Saúde quer impedir a actividade sindical agora no Hospital da Misericórdia de Évora

ImageGenO CESP, Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal, vem denunciar que o Grupo Luz Saúde, dono do Hospital da Misericórdia de Évora, continua a ignorar a Constituição da República Portuguesa, nomeadamente, o disposto no seu Artigo 55.º, Liberdade Sindical, que prevê o direito de exercício de actividade sindical na empresa.  Ler mais

Reforçar o trabalho sindical junto dos trabalhadores imigrantes no Alentejo

seminario-migracoes-04042019_evora_2Dirigentes, delegados e activistas sindicais de diferentes sindicatos estão hoje dia 4 Abril, reunidos na sede do Sindicato dos Professores da Zona Sul e onde está a funcionar a União dos Sindicatos de Évora/CGTP-IN (Av. Condes de Vilalva, n.º 257: 7000-744 em Évora), num seminário com o lema “Para defender os direitos e os salários! Reforçar a sindicalização trabalhadores imigrantes!”. Ler mais

43º aniversário da Constituição da República Portuguesa

A CGTP-IN saúda todos os que tornaram possível a aprovação da Constituição da República Portuguesa, na sessão plenária da Assembleia da República, no dia 2 de Abril de 1976, para entrar em vigor no dia 25 de Abril desse mesmo mês, segundo aniversário da Revolução de Abril, a revolução que restituiu ao povo português a liberdade, a democracia e os direitos e liberdades fundamentais. Ler mais

Milhares de jovens trabalhadores exigem estabilidade!

28marco-lutaOs Jovens trabalhadores, organizados nos sindicatos da CGTP-IN, realizaram uma grande manifestação, exigindo estabilidade no emprego e o aumento geral dos salários.

De todos os pontos do país foi enorme a participação da juventude trabalhadora que trouxe à baixa de Lisboa as lutas e reivindicações nas empresas e locais de trabalho. Ler mais

Trabalhadores das pedreiras em luta

12801323_1268946343122822_7412012620025723976_nNo passado dia 13 de Março, os trabalhadores das pedreiras, em greve, deslocam-se a Lisboa para uma concentração, pelas 11h30, no Ministério do Trabalho.

Os trabalhadores exigiram a publicação imediata da portaria que regulamenta o acesso à antecipação da idade legal da reforma aos trabalhadores das pedreiras;
A exigência que a lista de profissões inclua todos os trabalhadores do sector sem excepção e sem penalizações;
A melhoria das condições de segurança e trabalho nas Pedreiras.