Aquivo do autor: hotelariasul

Formação Profissional em Portalegre e Elvas

Formação Elvas

 

Formação profissional no Distrito de Portalegre

Estão abertas as inscrições para a frequência de várias acções de formação profissional a realizar em Portalegre e Elvas, para empregados e desempregados.

Os interessados deverão contactar:

 

União dos Sindicatos do Norte Alentejano

Rua do Carmo, nº12, 1º D.º, 7300-158 Portalegre
T: 245 201 329

 

Delegação Sindical Conjunta de Elvas

Rua da Feira, nº31, 7350-148 Elvas
T: 268 620 197

 

usnalentejano@gmail.com

http://sindicatos.cgtp.pt/uniao-norte-alentejano
https://www.facebook.com/Usnaportalegre

TABELA SALARIAL 2017 – Restauração e Bebidas

ACORDADOS NOVOS SALÁRIOS PARA 2017

Foi acordado com a associação patronal AHRESP, uma tabela salarial para a restauração e bebidas.

Este contrato coletivo de trabalho (CCT) tem com âmbito nacional.

Os trabalhadores devem exigir a aplicação imediata desta tabela salarial independentemente da associação patronal onde a empresa está filiada.

A tabela salarial e demais cláusulas de expressão pecuniária produzem efeitos a 1 de janeiro de 2017.

 

Tabela salarial de 1 de janeiro a 31 de dezembro de 2017

Níveis

Categoria

Salário

(Euros)

XI

Diretor de restauração e bebidas

900,00

X

Chefe de pessoal

745,00

 

IX

 

Chefe de bar

Chefe de mesa

Chefe de operações

Chefe de secção

Chefe de snack-bar

Cozinheiro de 1.ª

Tesoureiro

680,00

 

 

 

VIII

Caixa

Chefe de balcão

Controlador

Escanção

Escriturário de 1.ª

Pasteleiro de 1.ª

Rececionista de 1.ª

Secretário de direção

Subchefe de mesa

Subchefe de operações

620,00

 

 

 

 

 

 

VII

Amassador

Barman

Chefe de cafetaria

Chefe de geladaria

Chefe de self-service

Cozinheiro de 2.ª

Empregado de balcão de 1.º

Empregado de mesa de 1.ª

Empregado de snack de 1.ª

595,00

VII

Escriturário de 2.ª

Motorista

Pasteleiro de 2.ª

Rececionista de 2.ª

Supervisor de abastecimentos de máquinas de venda

Telefonista de 1.ª

Técnico de frio

 

 

595,00

 

 

 

VI

Amassador – aspirante

Assador-grelhador

Barman de 2.ª

Cafeteiro

Chefe de copa

Controlador-caixa

Cozinheiro de 3.ª

 Despenseiro

Distribuidor com mais de 5 anos

Empregado de distribuição de máquinas de venda de 1.ª

Empregado de armazém

Empregado de balcão de 2.º

Empregado de geladaria

Empregado de mesa de 2.º

Escriturário de 3.ª

Forneiro-aspirante

Operador com menos de 5 anos

Pasteleiro de 3.ª

Telefonista

 

 

 

 

 

 

 

 

 

568,00

 

 

 

 

 

 

 

 

 

V

Distribuidor com menos de 5 anos

Estagiário com mais de um ano

Jardineiro

563,00

 

IV

Copeiro com mais de 2 anos

Empregado de limpeza

Empregado de refeitório

Empregado de rouparia/lavandaria

Porteiro

560,00

 

 

III

Copeiro até 2 anos

Guarda de lavabos

Mandarete

557,00

 

II

Aprendiz com mais de 18 anos

460,00

I

Aprendiz com menos de 18 anos

460,00

 

Além da tabela salarial foram acordados também novos valores para as cláusulas de expressão pecuniária, a saber:

      - Subsídio de alimentação: € 122,00;

      - Abono para falhas: € 38,00;

      - Prémio de línguas: € 45,00.

Os trabalhadores que auferem já valores superiores ou outras regalias não podem ser prejudicados.

Informa-te no sindicato ou junto dos delegados sindicais.

Dá mais força ao sindicato. Sindicaliza-te!

Lisboa, junho de 2017                                                                                     A Direção do Sindicato

FEZ-SE JUSTIÇA AO FIM DE 25 ANOS DE LUTA NA ESCOLA DE HOTELARIA DO ESTORIL!

Escola Hot Estoril , foto

Finalmente, duas trabalhadoras da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE) receberam a retribuição a que tinham direito por decisão do Tribunal de Trabalho de Cascais.

Diversos trabalhadores e trabalhadoras prestaram serviço no ex-Centro Escolar Turístico e Hoteleiro do Estoril – que deu origem à INFTUR Estoril e por sua vez à atual denominação ESHTE – no período correspondente de 1992 a 1998, sem que tenham sido pagos os Subsídios de Natal e de Férias, Subsidio de alimentação nas férias e prémios antiguidade e progressão em vigor na empresa. Continuar a ler

Comunicado sobre o aumento do salário mínimo

Comunicado setor SMN

Por força da luta dos trabalhadores, da derrota eleitoral do Governo PSD/CDS em 4 de outubro de 2015 e dos compromissos assumidos pelo PS com os partidos à sua esquerda (Os Verdes, PCP e BE), o Governo do PS viu-se obrigado a aumentar o Salário Mínimo Nacional (SMN) pelo segundo ano consecutivo e por isso, a partir de 1 de janeiro de 2017, o SMN passa para 557€. Continuar a ler